-->


Sistema Mediador
Solicitação de Registro de Instrumento Coletivo
Legislação
Leis, Atos, Decretos, Portarias, e Resoluções do MTE
Dúvidas Trabalhistas
Férias, Horas Extras, Salário, Outros...
FGTS: Movimentações via SMS
Folder e Formulário
ASSÉDIO SEXUAL
Cartilha
PISO SALARIAL
Piso Mínimo Regional do PR


Veja Mais Fotos


 Jornada de 40 HORAS
Imprimir PDF

Governo pretende rever 300 mil auxílios-doença

O governo Jair Bolsonaro quer evitar um possível aumento das despesas da Previdência, caso a força-tarefa consiga aumentar significativamente as concessões. O Executivo pode conter R$ 5 bilhões em 2020 com os cortes de benefícios que dependem de avaliação médica para serem mantidos

(Foto: Pedro França/Agência Senado)

247 - O governo Jair Bolsonaro pretende rever os benefícios por incapacidade do INSS, com a convocação de mais de 300 mil beneficiários de auxílios-doença, de acordo com uma fonte do setor de perícias médicas da Previdência.

 

O Executivo quer evitar um possível aumento das despesas da Previdência, caso a força-tarefa consiga aumentar significativamente as concessões. Em 2020, os cortes de benefícios que dependem de avaliação médica para serem mantidos podem gerar uma economia de R$ 5 bilhões para a União.

 

A Secretaria de Previdência apenas reafirmou que pretende iniciar o pente-fino ainda neste mês. “O pente-fino dos benefícios por incapacidade está previsto para começar este mês. Em breve, será divulgado o cronograma de divulgação de resultados para 2020”, diz a nota da Secretaria de Previdência.

 

 

 

247

 


CNPJ: 81.104.341/0001-09 | Código Sindical: 913.000.000.03342-5
Rua Hildebrando de Araújo, 429 – Jd. Botânico | CEP 80.210-260 – Curitiba/PR
Fone/Fax: (41) 3362-7778 | Email: sesocepar@sesocepar.org.br